William Carter Award 2009 – José Fonseca

A investigação foi desenvolvida pelo investigador José Fonseca, do grupo Software and Systems Engineering, do Departamento de Engenharia Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) e Docente da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico da Guarda.

Para se perceber um pouco a investigação, o autor, José Fonseca, explica: “ a nossa investigação centra-se nos problemas de segurança das aplicações Web (páginas pessoais, blogs, sites noticiosos, redes sociais, agências bancárias, fóruns, sites de comércio electrónico, etc.). A proposta apresentada no artigo premiado é de um injector de ataques para aplicações web. A ideia subjacente é a de que, através do ataque controlado a uma aplicação Web, podemos avaliar o comportamento de uma série de mecanismos de segurança cujo objectivo é proteger a aplicação Web. Por ex., supondo que um desses mecanismos é um detector de intrusões. Se, apesar da presença desse detector de intrusões, conseguirmos realizar um ataque com sucesso, então podemos concluir que o detector de intrusões não cobre esse ataque (ou esse tipo de ataques). Este resultado deve levar à correcção desse detector de intrusões e, assim, contribuir para a melhoria da segurança em aplicações Web”.

Embora “o protótipo que construímos ainda se encontre numa fase inicial de desenvolvimento, já permitiu realizar experiências com resultados extremamente animadores, nomeadamente na avaliação de dois detectores de vulnerabilidades de segurança comerciais e de um detector de intrusões”, avança o investigador.

O William Carter Award, instituído em 1997, é considerado o “prémio Nobel” da área da Fiabilidade Informática. Normalmente são as melhores universidades do mundo como CMU, Stanford, Illinois, Princeton e Texas-Austin a conseguir tão alta distinção.
Fonte: Estg IPG

Parabéns Professor, sempre o achei muito bom dentro do mundo do SQL, nunca pensei que isso se alargava a outros horizontes, não é para qualquer um, mesmo qualquer um. É dos poucos Professores que gostava de ter de novo, pois sei que consigo aprende-se sempre. Força na continuação do bom trabalho.

~ por Hélder Pinheiro em 24 Março, 2009.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: